Volvo investe em sistema de segurança hipertecnológico

A sueca Volvo está em uma ambiciosa cruzada para eliminar todas as fatalidades de seus veículos. Após a divulgação que limitaria a velocidade de seus carros, a montadora anunciou também um sistema que tem o objetivo de salvar motoristas bêbados ou distraídos.

O projeto contará com câmeras internas e sensores que auxiliarão o motorista durante a direção do veículo. De acordo com a montadora,  diversos comportamentos do condutor serão monitorados. Por exemplo, longos períodos sem ligar a seta, movimentos de zigue-zague na pista, tempo de reação lentos e até mesmo se os olhos estão fechados ou abertos.

Um vídeo mostra, acima de tudo, como a nova tecnologia funcionará. Com duas câmeras apontadas para a face do motorista, o nível de distração do condutor pode ser detectado. Dessa maneira, as medidas possíveis serão tomadas para garantir a segurança do motorista.

Caso o sistema identifique risco para si e terceiros, ele pode intervir com a redução de velocidade ou até mesmo ligar por conta própria para o serviço Volvo on Call. O intuito é buscar ajuda e conduzir o motorista para um local seguro.

No que diz respeito à privacidade, os chefes da empresa garantem que os vídeos coletados pelas câmeras internas não serão transmitidos para nenhum local remoto. Todos eles ficarão dentro do sistema do veículo. Segundo os representantes da Volvo, o sistema não poderá ser desativado. O objetivo  é evitar quais quer tipos de acidentes.

O projeto chamado de Volvo in-car Cameras, está previsto para 2020. Ele se dará pela plataforma veicular SPA2 – que tem atuação global.