Retrospectiva 2019: o que aconteceu no mercado automotivo

O ano de 2019 trouxe diversas surpresas. Algumas boas, outras nem tanto. É inegável que foi um período que entrou para a história. A política brasileira balançou com a reforma da previdência, o rompimento da barragem de Brumadinho deu um pontapé inicial em políticas ambientais e o dólar bateu seu recorde histórico. No mercado automotivo, da mesma forma, muita coisa aconteceu. Pensando nisso, nós da Roles Conectar resolvemos reunir os principais destaques de 2019 em uma matéria especial. Acompanhe aqui. 

Vendas

A venda de veículos zero cresceu em 7,5%, de acordo com a Anfavea (Associação Nacional dos Fabricantes de Veículos Automotores). De acordo com o portal Autoo, 2.406.919 carros novos foram vendidos até a metade de dezembro. 

Apesar do aumento não ter sido significativo, o resultado é bom e mostra que a setor automotivo interno não encolheu neste ano. Pelo contrário: se manteve estável e moderado.

Exportação

Apesar das vendas terem aumentado, a exportação de automóveis vai fechar em queda de 33,2% no acumulado do ano. A comercialização de apenas 399,2 mil unidades mostra a refração da exportação.

De acordo com o presidente da Anfavea Luiz Carlos Moraes, os números não são uma surpresa, visto que eles foram já eram previstos desde o ano passado. Além disso, para 2020, a expectativa do presidente é de crescimento para o setor interno.

Produção

A produção de automóveis se uniu com a queda das exportações, pois não apresentou um resultado muito positivo em 2019. De acordo com dados preliminares da Anfavea, o crescimento do setor vai ficar em torno de 2,7%.

A explicação para a redução da produção e exportação nasce nas constantes crises políticas nos países da América Latina. A exportação decrescente para o mercado argentino é um exemplo disso – de acordo com o jornal Estado de S. Paulo.

35 anos de Fiat Uno

Um dos queridinhos do brasileiro completou 35 anos em julho. Estamos falando do clássico Fiat Uno. O veículo começou a circular nas ruas brasileiras em 1984, desenhado por Giorgetto Giugiaro. O carro fez sucesso desde então.

O carro mais vendido de 2019

De acordo com o portal Autoo, o Chevrolet Onix foi o veículo mais vendido em 2019, com mais de 220 mil unidades. O carro chegou ao mercado brasileiro em 2013 e, desde 2015, lidera entre os automóveis mais comercializados, ano após ano.

Em segundo lugar está o Ford Ka e em terceiro está o Hyundai HB20, com 95.416 unidades e 93.918 unidades, respectivamente. Além disso, a Chevrolet foi a montadora que mais vendeu em 2019, com 431.340 automóveis emplacados.

Elétricos

2019 foi um ano importante para os carros elétricos. O mercado brasileiro teve as vendas da categoria iniciadas. Tivemos carros por menos de R$ 200 mil – valores um pouco mais acessíveis para a população.

Os principais automóveis dessa categoria são: o Chevrolet Bolt (R$ 175.000), Renault Zoe (R$ 195.000), Nissan Leaf (R$ 195.000) e Jac iEV40 (R$ 119.990). Outra notícia importante envolvendo os elétricos, foi o anúncio da motocicleta elétrica da Harley-Davidson que vai chegar em 2020.

Roles 50 anos

2019 também trouxe muitas alegrias. Tivemos o aniversário de 50 anos da Roles Autopeças, distribuidora fundada em Abril de 1969. Para comemorar essa data especial, a Roles realizou uma campanha para exaltar a confiança de seus clientes e criou a promoção Roles 50 anos, com mais de 50 prêmios. Para saber mais clique aqui: www.promocaoroles50anos.com.br