O esportivo mais rápido do mundo

Pouco tempo depois de anunciar um caminhão elétrico que promete ser muito mais potente e rentável que os caminhões comuns, a Tesla surge mais uma vez para amedrontar as montadoras de carros movidos a combustíveis fósseis. Agora, a empresa do bilionário sul-africano Elon Musk surgiu com um novo Roadster, modelo superesportivo da marca.

Segundo a fabricante, o carro, previsto para 2020, será capaz de fazer uma viagem de ida e volta entre Los Angeles e São Francisco sem parar para recarregar. Para efeitos de comparação, esse trecho, de cerca de 615 quilômetros, é maior que a distância entre as capitais São Paulo e Rio de Janeiro. Além disso, o veículo será capaz de atingir 100 km/h em 1.9 segundos, e percorrer 400 metros em 8,9 segundos. Hoje, o Bugatti Chiron, automóvel mais veloz do mundo, alcança os 100 km/h em 2,5 segundos.

Quer um? Pode começar a juntar dinheiro. Você pode desembolsar 250 mil dólares (pouco mais de 800 mil reais) e ter um Roadster de uma série especial, onde apenas mil modelos serão produzidos, ou esperar um pouco mais e ter um “desconto” de 50 mil dólares, e investir 200 mil dólares (cerca de 640 mil reais ) em um modelo regular.