Empreendedores trocam lojas por carros

O uso de carros clássicos vêm se mostrando uma alternativa de sucesso no Brasil, principalmente no Espírito Santo. O Fusca e a Kombi são os mais utilizados porque saltam aos olhos e se tornam visualmente atraentes aos clientes.

Alguns empreendedores, ao se adaptarem à mobilidade, conseguem ganhar até R$10 mil. Pegamos alguns casos de exemplo:

A vendedora de biquínis, Tamires Jardim, circula pela praia mais movimentada do Estado em seu fusca. “Acredito que já tenha conhecido 15 lugares diferentes com o Fusca. Meu namorado já tinha o carro como colecionador, apenas adesivei e adaptei algumas coisas. Nunca quis ter uma loja física e percebi que esse investimento tinha mais a ver com o meu estilo de vida”, diz a jovem.

captura-de-tela-2017-04-06-as-11-37-50

(Foto: Marcelo Prest/A Gazeta)

Ela é responsável pela elaboracão, confecção e venda, o que implica em economia de mão de obra. Seu ticket médio é de R$70 por peça. Por mês, a empreendedora consegue fazer R$10 mil.

“Gastei algo em torno de R$ 20 mil para transformar o Fusca conversível do meu namorado”, conta a jovem de 28 anos.

Henrique Hamerski optou por desenvolver um Pet Shop móvel para atingir o mercado de outra forma. O professor de empreendedorismo da Faesa vê o empreendimento sobre rodas como forma de evitar gastos como aluguel, energia e viabilização.

“Esse tipo de investimento chama a atenção porque fica próximo ao cliente, trazendo comodidade. Grande parte desses empreendedores pensam no custo menor, mas precisam analisar se realmente é isso que gostam de fazer”, comentou o professor.empreendedores-trocam-lojas-por-carros-header-1

Vantagens do empreendedorismo móvel

O aluguel que se paga por um estabelecimento pode ser alto muitas vezes. Quando se opta por um carro, além de se aproximar do cliente e ganhar mobilidade, se evita esse tipo de gasto.

O importante é, antes de investir, localizar as oportunidade e procurar o melhor jeito de fazer o que se gosta realmente.

Procure fazer essas perguntas a si mesmo:

Como posso fazer diferente?

Vou conseguir ter sucesso à longo prazo?