Elétricos e híbridos terão impostos reduzidos

 Uma boa notícia para o mercado automotivo brasileiro. O ministro interino da Indústria e Comércio Exterior, Marcos Jorge, afirmou que os carros elétricos e híbridos terão impostos reduzidos em um futuro próximo. A taxa será a mesma que é aplicada nos veículos com motor 1.0.

O anúncio foi no fim de janeiro, durante o evento que comemorou os 60 anos da Toyota no Brasil. Os elétricos e híbridos terão o IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) reduzido de até 25% para 7%.

A Toyota afirmou que o híbrido Prius terá seu preço diminuído assim que a medida for colocada no papel. Atualmente, o veículo da montadora japonesa custa na faixa de R$ 126 mil e com essa redução seria comercializado por R$ 118 mil.

Outro modelo que deverá ser beneficiado é o elétrico BMW i3. O veículo da montadora alemã é vendido por R$ 160 mil, já que paga 25% do IPI. O carro já é isento do Imposto de Importação, que acresce 35% ao valor.

O ministro Marcos Jorge aproveitou para dizer que os detalhes do programa Rota 2030, que irá trazer novas regulamentações ao setor automotivo, devem ser divulgados até o final de fevereiro. O projeto deverá ter metas de eficiência enérgica divididas em três partes.