Das pistas aos céus: conheça o veículo voador da Porsche

A Embraer e a Uber já fizeram uma parceria para criar um veículo voador. Agora é a vez da Boeing e da Porsche de tentar dominar os céus mundiais. A cooperação entre a montadora alemã e a gigante do mercado aeroespacial visa, primeiramente, analisar e atingir o mercado premium, que está em desenvolvimento.

A NATUREZA DO PROJETO

O aeromóvel será elétrico e as empresas não especificaram muitos detalhes técnicos sobre o projeto. A parceria procura não apenas produzir uma máquina voadora, mas também estudar a mobilidade urbana e o mercado para essa nova categoria de transporte.

A Aurora Flight Sciences, subsidiária da Boeing, irá trabalhar em conjunto com a equipe de engenheiros da Porsche. Ambas as empresas vão produzir um veículo voador civil de decolagem vertical e deslocamento urbano.

O QUE JÁ SABEMOS?

A única foto divulgada até agora não mostra muito do carro, mas dá uma noção de como ele, provavelmente, vai ser. O design do carro remete ao de um avião a jato, com duas turbinas grandes na traseira. O visual passa longe dos projetos da Embraer, Littium e Bell – empresas que investem no mesmo mercado.

Ainda não existe uma previsão certa para o aerocarro da Porsche começar a circular nas principais cidades mundiais. A montadora alemã tem projeção para a partir de 2025. Se trata de um momento em que o mercado vai ganhar mais fôlego. Além disso, tecnologia será mais adequada para popularização e produção dos aerocars.

Além da tecnologia, outras questões pairam no ar. Um dos pontos mais discutidos é sobre quem vai dirigir e como a pessoa será habilitada. Outro fator gira em torno da categoria em que modelo vai se encaixar.