C-V2x: a tecnologia da Ford que faz seu carro falar

A CES 2019 é a  maior feira de tecnologia do mundo. Durante a edição deste ano, a Ford anunciou que irá lançar a tecnologia C-V2X. Se trata de uma ferramenta que permitirá veículos “ouvirem” e “conversarem” uns com os outros. Prevista para 2022, ela também possibilitará a comunicação com pedestres e infraestruturas de trânsito.

O objetivo principal da C-V2X? Criar um sistema de transporte inteligente e conectado. Além, claro, de contribuir com a segurança de estradas e com a evolução do sistema autônomo. De acordo com o diretor executivo de Veículos Conectados da Ford – Don Butler – a tecnologia permite que automóveis negociem a preferência em cruzamentos e ultrapassagens. Além disso, ajuda na ocorrência de acidentes. Por fim, visualizar pedestres na pista mesmo fora do campo de visão se torna possível. 

O seu funcionamento parte da conexão 5G. Contudo, ela está prevista para chegar apenas em 2020 no Brasil. A sua maior qualidade? Não há necessidade de uma torre de transmissão. Tudo funcionará por meio de um chip avançado de computador que será instalado no carro. Ele, a partir disso, pode compartilhar seus dados em tempo real e receber informações. Outro detalhe interessante é que a nova tecnologia irá complementar outros sistemas de assistência ao motorista já presentes. Exemplos são os sensores de radar e as câmeras automotivas. 

A ideia é que a tecnologia C-V2X também seja instalada em veículos de emergência. Ambulâncias, viaturas e carros de bombeiros. Com isso, gerariam avisos para carros autônomos à frente. Estes abririam caminho ou mudariam de rota. Entretanto, é preciso que esse novo ambiente tecnológico seja regulamentado e que a nova ferramenta se torne cada vez mais comum.