Assistência de frenagem ativa

O aproveitamento da tecnologia como precursor de medidas de segurança nos automóveis é um fator bem presente nos anos atuais. A Daimler, companhia que produz os automóveis da Mercedes Benz, incluiu uma função que reflete esse panorama em seus veículos. Para evitar atropelamentos, a capacidade de frenagem automática foi explorada pela Companhia.

Os seus ônibus vão receber, já no primeiro semestre de 2018, a ABA 4 – Assistência de Frenagem Ativa 4. Para veículos desse tipo, isso se configura como uma inovação. Sistemas parecidos haviam sido utilizados em carros de porte comum, em carros da própria Mercedes Benz.

O funcionamento permite que pedestres que estejam de até 80 metros do ônibus sejam identificados. Tudo por causa de sistemas de radares que funcionam a curtas e longas distâncias. Os ciclistas e veículos não se excluem dessa medida. Podem ser detectados a 160 e 250 metros no máximo, respectivamente. Caso algum indivíduo esteja próximo à dianteira do veículo, este também será detectado.

Buzinar e desviar não deixa de ser algo necessário em momentos que antecedem uma possível colisão. Por isso, indicadores visuais e sonoros vão ser disparados antes do carro entrar em ação de freio. Os modelos que disponibilizarão essa arquitetura tecnológica ainda não estão disponíveis no Brasil, mas devem chegar no próximo ano. São eles o Tourismo e o ComfortClass da Mercedes Benz.