A evolução necessária das baterias

Com o aumento dos carros elétricos, componente é importante nesse novo mercado.

Com o advento dos carros elétricos, as baterias vêm sofrendo mudanças para se adaptar ao rendimento dos veículos. A maioria é produzida com íons de lítio, mas existem outros tipos de componentes que estão sendo testados para aumentar a eficiência dessas peças. No mundo, a necessidade de sua fabricação é cada vez mais necessária.

A bateria é a parte mais cara de um carro elétrico. Mesmo assim, em quatro anos, o preço delas caiu pela metade. A expectativa é que os veículos movidos a esse tipo de energia tenham um valor monetário de gastos para locomoção  semelhante aos carros convencionais. Isso quando essas unidades de baterias chegarem a 100 dólares por quilowatt/hora.

Na China, as taxas de poluição do ar estão no nível máximo, o que exige uma mudança na população urbana de carros. Com isso, o incentivo ao uso de elétricos no país asiático se torna uma urgência. A vantagem é que há muita pesquisa sobre o assunto. 

Já no Brasil, a indústria ainda não é capaz de produzir as células de lítio. Mesmo com a disponibilidade de matérias primas ideais para a fabricação de baterias, o know-how sobre o assunto ainda não permite uma produção massiva do produto.

O avanço da indústria de baterias é importante. Os carros elétricos já mostraram maior eficiência, pois exigem menos manutenção e, com o tempo, eles serão mais baratos que os veículos convencionais. Investir nesse mercado irá ajudar na evolução do setor automotivo.