5 passos iniciais para atrair clientes

Só durante os anos de 2014 e 2017, 26,2 milhões de empresas foram criadas no país. Ainda com a representação de um crescimento positivo, é necessário compreender que muitos desses projetos, infelizmente, não conseguem seguir adiante. Os motivos podem ser classificados de diferentes formas. Concorrência, burocracia, mindset do empreendedor. Mas, entre as causas, ainda se destaca um fator principal: a falha ao atrair clientes para o seu produto ou serviço.

Para potencializar a jornada em seus respectivos cenários de atuação, é preciso redobrar a atenção em alguns passos. Com a atenção direcionada a estes pontos, podemos evitar fatores negativos e ainda atrair o público-alvo.

 

Crie uma marca

Uma etapa inicial é a criação de uma marca forte e sólida. Essa ação passa confiança para as pessoas e permite que a empresa se comunique com o público de maneira clara e transparente. Esse passo é essencial, pois em meio a um mercado repleto de novos investidores se destacar é quase uma prioridade.

 

Lide com a concorrência

Para superar esse obstáculo é preciso entender o que o consumidor busca. O diálogo com o público funciona basicamente sob a lei da oferta e da procura. Criar a partir dessa informação é o segredo para traçar uma rota direta até o seu consumidor em potencial. Promoções também podem ser um atrativo. Além de conseguir chamar ainda mais a atenção do público, elas o estimulam a experimentar o produto ou serviço.

 

Trabalhe com a empatia

Após conquistar a sua atenção, é necessário demonstrar que você de fato se preocupa com a satisfação de seu cliente. Um modo de estimular isso é simplesmente sendo o mais empático possível, se colocando no próprio lugar do consumidor. A partir dessa atitude, é possível estimular uma visibilidade externa sobre o seu produto ou serviço, e assim estimular o seu crescimento.

 

Veja sempre o real

Durante os primeiros anos, o mercado pode estimular um olhar um tanto fantasioso sobre o que acontece ao seu redor. Com o crescimento do negócio, é natural nascer uma vontade de abraçar o mundo e de investir simplesmente pela emoção, sem dar vasão para a razão. Mas é nesse exato momento que se torna essencial ser realista. Respeitar a produção e o andar orgânico do negócio é o caminho para manter a qualidade do seu produto e a experiência de seus clientes com ele.

 

Confie em outras mãos

Nessa etapa, também é natural querer internalizar todas as funções. No entanto, é com essa medida que você pode excluir a ação de mãos de obra qualificadas. Processos como o gerenciamento de vendas e campanhas de marketing exigem atenção dobrada, e possuir pessoas capazes de organizar ambos é essencial para que a empresa caminhe corretamente no início de suas atividades.